Música + Estilo + Comportamento

Pesquisar
Close this search box.

publicidade

Women’s Music Event terá show do Quarteto ZURI, do Espírito Santo

compartilhe

No segundo dia de evento, sábado (22), o grupo de cordas de mulheres negras e periféricas fará um show especial e muito democrático com um repertório de grandes obras do erudito ao popular.

Women’s Music Event (WME), maior evento de protagonismo das mulheres da indústria da música do país, está em sua oitava edição e terá sua conferência na Biblioteca Mário de Andrade.

Ao longo dos três dias de shows, oficinas, masterclasses, palestras e painéis, que ocorrem de 20 a 23 de junho, o público poderá prestigiar um pocket show do Quarteto ZURI, grupo de mulheres negras e periféricas integrantes da Sinfônica do Espírito Santo, que tocam do erudito ao popular no formato de sinfonia de cordas tradicional.

O grupo representa o espaço democrático e diverso para o qual a curadoria do WME trabalha.

Formado pelas musicistas Jacqueline Lima (primeiro violino), Emily Cristina (segundo violino), Dayse Sales (viola) e Jéssica Vianna (violoncelo), o quarteto tem o formato tradicional, tocando do clássico ao popular com o intuito de transmitir diversidade, representatividade e facilitar o acesso do público para o cenário erudito brasileiro. Cada uma das artistas vem de uma parte diferente do país, mas se juntaram em 2022, no Espírito Santo. Agora elas vêm a São Paulo para levar mais da música clássica ao WME.

“O pocket show do Quarteto ZURI é muito importante para a nossa programação, tanto por mostrar quatro mulheres fazendo releituras populares das artistas mais diversas, como Anitta, Ludmilla, Elza Soares e muitas outras no formato clássico de cordas quanto por trazerem essa diversidade sonora para o nosso contexto. Este ano, queremos ir da música sinfônica ao pagode e apresentar mulheres das mais diversas regiões e estados do Brasil”, conta Claudia Assef, cocriadora do WME, junto com Monique Dardenne.

“Participar do WME é a realização de um sonho antigo pra gente, desde o primeiro contato quando nos inscrevemos para o pitching e fomos selecionadas em 2023, nosso coração se encheu de emoção com a possibilidade de estar ao lado de tantas mulheres que admiramos, e ter a chance de apresentar nosso trabalho fora do ES pela primeira vez, ainda mais nessa ocasião tão especial”, comenta Jacqueline Lima.

Sobre o WME:
O Women’s Music Event (WME) é uma plataforma de música, negócios e tecnologia criada para aumentar o protagonismo da mulher na indústria da música. Idealizada por Claudia Assef e Monique Dardenne em 2016, a plataforma estreou em março de 2017 com o maior encontro de mulheres da indústria da música em São Paulo, atraindo mais de 1 mil pessoas em painéis de debate, workshops, shows e festas. Desde então, já realizou sete edições do WME. Além do encontro, acontece anualmente a WME Awards by Music2!, premiação desmembrada em três frentes: categoria voto popular, categoria voto técnico e homenageadas pelo conjunto de sua obra. Como desdobramentos, o WME lançou em 2019 seu aplicativo Cadastro de Profissionais e em 2021 o Selo Igual.

Quarteto ZURI

Women’s Music Event (WME) – 8ª Edição

Data: 20 a 23 de junho

Programação: será anunciada em breve

Locais: Heavy House, Biblioteca Mário de Andrade, Praça Dom José Gaspar e Casa Natura, em São Paulo.

Investimento: ingressos a partir de R$ 60,00 para programação na Biblioteca Mário de Andrade. Passaporte Completo: R$ 140,00 + taxas. Ingressos disponíveis na plataforma Sympla

Programação gratuita: Shows e programação na Praça Dom José Gaspar, Heavy House e Casa Natura Musical

publicidade