Richy Ahmed a frente do selo Hot Creations faz renascer cena House

DJ SOUND

Richy Ahmed a frente do selo Hot Creations faz renascer cena House

Richy Ahmed a frente do selo Hot Creations faz renascer cena House e torna-se referência mundial!

Conversamos com Richy Ahmed pouco depois da sua última passagem pelo Brasil onde vem acumulando milhagens regularmente, e logo depois do verão europeu deve pousar aqui novamente.

Ele falou sobre suas impressões do Brasil, recordou o início com extrema humildade dizendo que sua carreira veio do nada, e apontou alguns pensamentos para o futuro da cena clubbing ligado a tecnologia em avanço.

Richy Ahmed é um dos refrescos da House Music inglesa na atualidade firmando-se como um dos nomes principais no front do estilo.

Ele é um dos progenitores da nova cena House inglesa, inspirando novos talentos DJing e produtores, além de se tornar um dos nomes na área executiva da Dance Music num dos principais selos do segmento.

Acompanhando a cena desde muito cedo, somente há seis anos atrás lançou-se na carreira de DJ profissional, assumindo as cabines de renomados clubs e festivais ao redor do globo; do festival BPM no México para o Blue Marlin em Dubai, do Bar Panorama em Berlim, fazendo sua ascensão como um DJ mundialmente aclamado e como resultado tem sido listado no Top 100 DJs do site Resident Advisor nos dois últimos anos consecutivos.

O EP “The Drums” de 2013 pelo selo Hot Creations de Jamie Jones e Lee Foss, foi coroado por Pete Tong como “Música Essencial “.

No ano seguinte assinou o EP “Sneaky Acid” , comemorando o 50o. lançamento do Hot Creations.

Ainda em 2014 tornou-se A&R do Hot Creations e um dos curadores para os line-ups da festa Paradise (de Jamie Jones) no DC-10 de Ibiza nos últimos três anos.

Seu set na BBC Radio 1 Essential Mix em 2014 com uma pegada mais Funky o fez explodir em popularidade ganhando adeptos.

Na sequência veio um EP pelo selo Strictly Rhythm (famoso por lançar as primeiras produções de Erick Morillo e Roger Sanchez), fizeram sua fama como produtor alavancar rendendo remixes para selos de caliber como Circus, Suara, Truesoul, só para citar alguns.

Os playlists de sua autoria são vistos com atenção e referência.

É um dos nomes mais quentes fato, e deve ter vida longa para ouvidos antenados.

Richy Ahmed DC10 Ibiza, Espanha

Richy Ahmed DC10 Ibiza, Espanha

Depois de estar aqui recentemente, por favor, diga-nos os seus pensamentos sobre o povo brasileiro, os clubes e festivais? Como foi o seu set no Warung?

Eu acho que o povo brasileiro é incrível, eu amo a sua energia.

Têm boa energia, personalidade, eles são muito vibrantes e apaixonados.

Realmente simpático, algumas das minhas pessoas favoritas no mundo.

As festas e os clubs parecem incríveis em cima da hora, o que eu já estive, D-Edge foi fantástico, eu toquei lá algumas vezes. A cena no Brasil agora está realmente decolando.

Meu set no Warung foi provavelmente o meu favorito na América do Sul, até agora, o lugar foi demais!

Nós estamos olhando para obter uma outra data lá, após o verão da Europa.

Richy Ahmed no warung Beach Brasil em 2016

Richy Ahmed no Warung Beach, Itajaí – SC, Brasil em 2016

Como você descreveria seu estilo musical?

Eu o descreveria como uma mistura entre House, Techno, Disco é tudo realmente.

Eu gosto de mudar , eu gosto de todos os estilos diferentes, Minimal tudo.

Eu gosto sempre de tentar manter a energia, o estilo que eu estou tocando.

Eu gosto do ritmo da música DanceHall.

Nome de uma música que lembra sua infância?

“Billie Jean” do Michael Jackson

Micheal Jackson em performance "Billy Jean"

Micheal Jackson em performance “Billy Jean”

Qual é o primeiro disco que você comprou e o raciocínio por trás disso?

“A Fear of a Black Planet” do Public Enemy.

Meu irmão mais velho começou a ouvir Rap e Hip Hop.

Comecei a olhar através de suas fitas-cassete, que foi a primeira música que eu realmente entrei a fundo quando eu tinha 11, 12 anos de idade.

Qual é a sua música favorita de todos os tempos?

Não poderia dizer, muitas para mencionar.

Você tem planos de lançar um álbum completo?

Não por muito tempo ou se alguma vez.

Eu realmente não sinto que os álbuns completos na música de dança fazem a justiça do DJ.

Eu acho que prefiro liberar uma enorme quantidade de bons EPs de estilos diferentes, acho que é mais benéfico.

Leva menos tempo fora do meu horário como DJ.

Richy Ahmed In The Mixes

Richy Ahmed In The Mixes, em Milão, Italia

Descreva o que você imaginar boates ser como no ano 2030 …

Nós provavelmente não iremos mais para os locais, todos nós vamos ter fones de ouvido de realidade virtual em casa e interagir uns com os outros on-line!

Você acha que isso ajuda a que você tem mais de 20 anos de experiência? Porque um monte de DJs agora são provenientes de quase nada …

Bem, eu não tenho 20 anos de experiência, eu fui discotecar a partir de 2010. Mas eu tenho instintos apurados para quase 15, 20 anos.

Então, nesse caso, acho delirante, festas, ir a clubs e festivais, isso é realmente benéfico para torná-lo realmente um bom DJ.

Acho que é vital.

Por experiência, eu só fui discotecar em 2010, por isso não tenho realmente o que você chama de “experiencias”.

Eu era um daqueles DJ que saíram do nada para ser honesto!

Em termos de carreira, onde você vê Richy Ahmed vê sua marca 4ThirtyTwo em dez anos?

Basta manter as partes, apenas crescendo, mas mais organicamente, eu não tenho alguma máquina enorme.

Quero ter algum tipo de residência legal em Ibiza e uma série de visitas legais, de metro, e uma marca de roupa.

O que está no horizonte para o resto de 2016?

2 EPs que saem pela minha gravadora 4ThirtyTwo, um EP que sai pela Tuskegee, muitos festivais no verão da Europa.

Mais noites 4ThirtyTwo e claro mais tours.

O que te incomoda?

Pessoas negativas.

brand_richy_ahmed

Um sonho?

Ser capaz de ver a Terra a partir da órbita.

Além de jogar jogos e fazer música, há algum hobby que você gosta de fazer, enquanto está na estrada?

Assistir os seriados no Netflix e meditação!

Qual é o seu objetivo principal que você deseja realizar este ano?

Realmente expandir a marca 4ThirtyTwo e fazer das festas as melhores festas do planeta.

Como você define a si mesmo como uma pessoa?

Brincalhão, positivo, pessoa feliz.

Links oficiais:

https://www.facebook.com/richyahmedmusic

Richy Ahmed no Boiler Room em Ibiza:

by Gonçalo Vinha

Print Friendly, PDF & Email

Comente