Illuzionize, falamos com a fera que toca no festival Lollapalooza Brasil

DJ SOUND

Illuzionize, falamos com a fera que toca no festival Lollapalooza Brasil

Illuzionize é um dos grandes panteões da música eletrônica made in Brazil na atualidade.

No próximo dia 06 de abril, ele comanda o palco Perry´s (https://www.instagram.com/p/BvdQ_ZdnZh2/), dedicado a música eletrônica na edição 2019 do festival Lollapalooza (saiba tudo sobre o evento no: http://www.djsound.com.br/?s=lollapalooza), no autódromo de Interlagos na capital paulista.

Conversamos com a fera sobre o seu álbum “X”, que deve pontuar sua apresentação no Lollapalooza.

O hit Down ultrapassa 6 milhões de acessos no youtube. Quando você percebeu o tamanho do sucesso dessa música?

Quando eu ia tocar na Playground ano passado, pensei “Com que música eu abro?”.

Peguei a “Down”, e a finalizei e fiz uma intro, que toquei lá.

A galera viralizou tanto a música que fiquei chocado, sem acreditar.

Todo mundo perguntava de quem era a música na internet, o vídeo teve mais de 5 mil compartilhamentos.

É engraçado porque pensei que a música seria muito forte, mas superou minhas expectativas, foi uma surpresa.

Qual faixa do álbum “X” que  melhor define sua personalidade?

“Desande”, por conta de toda a história que tem esse nome.

Lá no passado, quando comecei a ser DJ, as festinhas lá se chamavam assim.

E eu tocava no desande, não tinha o gênero musical, chamavam “desande”.

Então além da essência dessa época, é a música que mais me cativou nesse álbum.

Teve um momento que a toquei e foi no Universo Paralelo e senti algo que nunca senti antes, tanto que depois desse dia decidi o nome.

Você decidiu fazer a capa desse álbum e participou do processo. Como foi isso?

Foi bem legal e inovador para mim, porque até então nunca tinha me envolvido com pintura.

Tem um artista plástico dentro de casa hoje, que é o Renan, e eu o chamei para fazer uma collab nessa capa, ele me passou uns macetes e aconteceu.

Qual seu maior aprendizado em 10 anos de carreira?

Nossa, falar meu maior aprendizado é difícil.

Hoje eu trago com esse álbum um slogan: “Keep Your Essence.”

Que é manter sua essência, independente do que for, seja você mesmo. Esse é o maior aprendizado que posso compartilhar.

Qual seu maior desafio para fazer esse álbum com a mesma essência do início da sua carreira?

Pode parecer clichê, mas pra mim foi tão fácil porque já é o que eu faço, quando vi já tinha feito.

Fui pegando toda experiência que eu já tenho desde meu passado na minha vida, até antes de tocar, tudo que carrego hoje tanto na essência e de aprendizado do dia a dia, que consegui juntar tudo isso em um compilado de 10 músicas e ainda tem muita música pra lançar, que estão escondidinhas e a molecada não conhece.

Qual principal diferença entre o álbum “Brotherhood” e o “X”?

São duas propostas completamente diferentes.

No “Brotherhood”, quando fiz com as collabs, eu quis trazer realmente a mensagem de irmandade para as pessoas, sozinho você pode chegar em um certo ponto, mas com pessoas ao seu lado você pode ir mais longe.

Com “X” foi diferente, quis mostrar meus 10 anos de carreira (!) e minha essência para as pessoas, minha experiência musical.

Mensagem para o público d DJ SOUND.

Pessoal, obrigado por todo o carinho e quero dizer que logo teremos novidades aí, fiquem atentos!

by Gonçalo Vinha

Print Friendly, PDF & Email

Comente