Fernanda Takai “Na Medida do Possível” Ao Vivo no Inhotim

DJ SOUND

Fernanda Takai “Na Medida do Possível” Ao Vivo no Inhotim

Em 2014, uma moça sai de casa em busca de seu destino, desejando autoconhecimento e superpoderes.

Está de branco, se protegendo da neve com sua sombrinha vermelha.

Três anos depois ela é uma heroína, de preto, enfrentando todas as intempéries e usando a sombrinha para voar.

Parece um filme e esta foi mesmo a intenção de Fernanda Takai com seu mais recente projeto solo.

Após o lançamento do CD e dois anos de turnê, será lançado em abril o DVD “Fernanda Takai Na Medida do Impossível – Ao Vivo No Inhotim”, pela Deck.

Gravado em setembro de 2016, o DVD foi o primeiro registrado no Instituto Inhotim, em Brumadinho/MG – o maior museu de arte contemporânea a céu aberto da América Latina, e marcou a abertura noturna do parque.

Dirigido pela Árvore Filmes, produzido por John Ulhoa e com coordenação geral de Patrícia Tavares (Do Brasil Eventos), o registro em vídeo traz o repertório do CD “Na Medida do Impossível” (Deck/ 2014), com novas canções que foram inseridas ao longo da turnê.

Estão no set list “Seu Tipo” (Fernanda Takai/ Pitty), “Quase Desatento” (Climério Ferreira/ Fernanda Takai/ Marina Lima), “Pra Curar Essa Dor (Heal The Pain)” (George Michael/ vers. John Ulhoa) e “Doce Companhia (Dulce Compañia)” (Julieta Venegas/ vers. Fernanda Takai). Além das versões “Amar como Jesus Amou” (Padre Zezinho, SCJ), “Mon Amour, Meu Bem, Ma Femme” (Cleide), “A Pobreza” (Renato Barros) e “Como Dizia o Mestre” (Benito di Paula). Fernanda também inclui nesse show novas canções, “Fui eu” (Sullivan/Massadas), “Nada pra Mim”, do Pato Fu, e “I Don’t Wanna Talk About It”, sucesso de Rod Stewart.

O projeto visual, já beneficiado pela beleza natural do local, foi uma adaptação do cenário do show para um lugar aberto, que por sua vez reforçou o projeto gráfico do disco.

“A montagem do palco – um enorme cubo de madeira vazado – ao lado da árvore Tamboril, com o fundo para o lago, deu uma profundidade enorme às imagens, num trabalho muito afinado com o desenho de luz do Adriano Vale”, conta Fernanda.

Fernanda Takai “Na Medida do Possível”

O FILME
A primeira faixa do DVD é a música “Partida”, que marca a chegada de Fernanda Takai ao palco de maneira pouco convencional.

Um clipe revela a heroína, passando por dificuldades, fugindo de um urso, levitando, até chegar ao seu lugar: o show.

Filmado entre as obras de arte e árvores do Inhotim, o videoclipe é como se fosse um sonho da cantora.

“O clipe foi gravado um dia, quase que ‘na medida do impossível’.

A equipe se dedicou ao máximo e ficou simples, bonito, sofisticado como a Fernanda.

O DVD teve um conceito bem feito, equilíbrio nas escolhas e a possibilidade de brincar, ela nos deixou muito livres”, comenta Nathália Marçal, diretora artística.

Foi desenvolvido um roteiro como no cinema.

As falas e as intervenções entre as músicas foram cortadas e a iluminação, as tomadas de câmera e a direção artística seguiram o crescente do repertório, para ter uma história em sequência e não sair da atmosfera de sonho.

“O DVD claramente respeita o conceito de um filme: tem um início, o meio e o fim – embora muito sugestivo e em aberto para a imaginação de cada um.

As cenas foram estruturadas e captadas de uma forma muito bela e diferente do que costumamos ver, com planos muito específicos”, comenta a cantora.

E quem assistir a este filme, terá “os maiores diretores de arte do mundo, os curadores do Inhotim”, brinca o diretor Christiano Trad.

As filmagens foram feitas com um olhar de repórter, o visitante nem sempre tem acesso à vista de cima, às imagens captadas por drones, e aos lugares nos quais o clipe foi gravado.

“Pegamos a grandiosidade do Inhotim, mas sempre com um recorte.

Só se tiver um olhar atento, a pessoa reconhece as obras.

Buscamos o minimalismo nos ângulos, enquadramentos e concepção”, completa.

O SONHO
Fernanda Takai sempre quis fazer um projeto no Inhotim.

Só não imaginava que seria a gravação de um DVD, na comemoração dos 10 anos do parque, inaugurando a sua programação noturna.

Foi uma noite especial.

“A Fernanda Takai é uma artista de relevância na cena mineira e nacional, muito versátil e criativa, com uma carreira consolidada e admirada, além de ser fã confessa do Inhotim, o que deu ainda mais sentido para o trabalho que realizamos juntos.

Ficamos extremamente satisfeitos com o resultado.

O trabalho da Fernanda Takai e a forma como foi apresentado o show fizeram da primeira Noite Aberta do Inhotim um grande sucesso”, comente o diretor do Instituto, Antônio Grassi.

A cantora é acompanhada pelos músicos Larissa Horta (baixo e vocais), Lenis Rino (bateria e vocais), Lulu Camargo (teclado e gaita) e Tiago Borba (guitarra, violões e vocais).

“Não costumo fazer DVDs a toda hora, este é apenas o meu segundo na carreira solo que já tem 10 anos.

Gostaria que muita gente percebesse o tipo de cuidado e detalhes que permeiam as escolhas que faço.

Começando com as pessoas que trabalham comigo e agregam muito à minha música”, finaliza.

Fernanda Takai por Bruno Senna

FICHA TÉCNICA

Produzido por John Ulhoa
Direção Artística: João Augusto e Rafael Ramos
Direção de Filmagem: Cristiano Trad e Nathália Marçal / Árvore Filmes
Coordenação do Projeto: Patrícia Tavares
Gravado no Inhotim, Brumadinho (MG) em 3 de setembro de 2016

Fernanda Takai voz e violão
Larissa Horta baixo e vocais
Lenis Rino bateria, MPC e vocais
Lulu Camargo teclados e gaita
Tiago Borba guitarra, violão e vocais

Gravado ao vivo por Kiko Klaus (Estúdio Camarada Mixmaster)
Mixado por John Ulhoa no Estúdio 128 Japs (Belo Horizonte, MG)
Masterizado por Ricardo Garcia no Magic Master (Rio de Janeiro, RJ)
Projeto gráfico: Hardy Design
Fotos encarte: Andrea Steiner, Beto Staino e Cristiano Trad
Filmagem: Árvore Filmes
Direção, Concepção e Roteiro: Cristiano Trad e Nathália Marçal
Direção de Fotografia: Cristiano Trad
Direção Artística: Nathália Marçal

pics by Beto Staino

Print Friendly, PDF & Email

Comente