Elekfantz disponibiliza novo single “When We Weew Young”

DJ SOUND

Elekfantz disponibiliza novo single “When We Weew Young”

O videoclipe da faixa também já está disponível e traz easter eggs para os fãs.

O duo brasileiro Elekfantz, formado por Daniel Kuhnen e Leo Piovezani, acaba de lançar seu mais novo single, “When We Were Young”.

” A faixa, foi produzida no estúdio de Gui Boratto, produtor da dupla, em São Paulo, e mixada em Los Angeles, já está disponível em todas as plataformas digitais.

Ouça e baixe aqui: https://elekfantz.lnk.to/WWWY .

Radio DJ Sound Spotify:

Radio DJ Sound Deezer:

“Essa talvez seja a música mais especial pra gente.

Tivemos muito carinho na parte da produção, talvez seja a música em que a gente ficou mais tempo produzindo”, conta Leo.

“When We Were Young” chega acompanhada de um videoclipe muito especial, dirigido por Nelson Lacerda Struder, que já trabalhou com o duo antes em “The Promisse”.

No novo vídeo, todas as imagens usadas são de gravações caseiras da infância e adolescência de Leo, começando nos anos 80 até final dos anos 90, e depois do início do duo, quando Leo e Daniel começaram a carreira.

Confira aqui:

Daniel contou uma curiosidade sobre o vídeo, que funciona também como uma dica para achar os easter eggs:

“Durante a edição, o Nelson ‘escondeu’ o logo do Elekfantz em várias cenas.

Tá espalhado pelo clipe, principalmente nas imagens mais antigas de VHS tem o nosso logo, como se o Elekfantz já estivesse presente lá naquela época de infância”.

O duo, que acaba de se apresentar pela segunda vez no festival Lollapalooza Brasil (a primeira foi na edição de 2014), lançou em novembro passado o single “The Promise”.

Elekfantz

Sobre o Elekfantz:

No verão de 2012, um single lançado somente em vinil causou impacto na cena eletrônica internacional.

A música foi descoberta por grandes blogs na França e nos EUA e conquistou centenas de milhares de ouvintes em todo o mundo depois que um fã digitalizou o disco e publicou na internet.

“Wish” (Kompakt Exklusiv) veio assinada por um nome até então desconhecido pelos amantes das pistas e foi produzida em homenagem a Muddy Waters, o músico lendário que eletrificou o blues e influenciou inúmeras bandas, de Led Zeppelin a Depeche Mode.

Especulações sobre a verdadeira identidade correram soltas, até que o nome Gui Boratto foi trazido à tona pelos fãs e pela imprensa especializada.

A ironia é que foi ele quem realmente os ouviu pela primeira vez e, meses depois, se tornou seu colaborador e empresário. Levantando a cortina, Gui revelou dois artistas extremamente talentosos: Elekfantz.

Daniel Kuhnen e Leo Piovezani se conheceram há mais de duas décadas, quando eram adolescentes e tocaram juntos em uma banda de blues pela primeira vez.

Leo continuou sua carreira como músico profissional, tornou-se baterista, cantor e compositor e tocou com alguns dos maiores artistas do Brasil, em quase 20 anos de carreira.

Daniel seguiu outro caminho artístico, cresceu no templo da música eletrônica na América do Sul e, mais tarde, tornou-se DJ residente e herói local.

Caminhos opostos que se cruzaram novamente para criar esse “power duo”, em 2011.

Depois de trabalhar por um ano entre um estúdio em Florianópolis e em São Paulo, a dupla lançou seu álbum de estreia em vinil duplo.

“Dark Tales & Love Songs” tem as melodias intimistas, bases orgânicas e harmonias sensuais que tornaram a dupla conhecida além do House.

Com influência pop do hit “She Knows” ao techno épico de “Surrender”, o disco contém doze faixas produzidas com maestria.

Logo após o lançamento, começaram uma turnê de três meses, passando por onze países e alguns dos principais clubes e festivais do verão europeu.

Outros lançamentos foram os singles “Wish” (2012), “Diggin’ On You” (2013), “To The Bone” (2016), “Blush” (2016).

E também os remixes “Oliver Koleztki – Up In The Air” e “Voices” – Edit Revenge feat. Elekfantz.

“Eles simplesmente soam diferente, bonito”, comentou Boratto, “músicos de verdade”.

O resto, como dizem, é história.

Print Friendly, PDF & Email

Comente

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.