Dubdogz se junta a RQntz e Lowsince para nova versão de “Ainda Gosto Dela” do Skank e Negra Li

DJ SOUND

Dubdogz se junta a RQntz e Lowsince para nova versão de “Ainda Gosto Dela” do Skank e Negra Li

Canção que faz parte da música brasileira ganha releitura e entra no circuito eletrônico!

Confira: https://SMB.lnk.to/AindaGostoDelaRemix

A música “Ainda Gosto Dela”, famosa nas vozes de Skank e Negra Li, é um sucesso, mas ganha agora novo fôlego nas mãos de Dubdogz, RQntz e Lowsince, atingindo um novo público com o remix eletrônico.

A faixa já está disponível em todas as plataformas digitais.

Algo que tem se tornado mais usual e ganhado cada vez mais força nas pistas do país, as releituras de clássicos caíram na graça do público.

Músicas como “Anunciação”, de Alceu Valença; “Tempos Modernos”, de Lulu Santos; “Ai Ai Ai”, de Vanessa da Mata; trouxeram grandes obras brasileiras para o público jovem e são um verdadeiro sucesso, o que tem refletido também nos shows dos intérpretes originais.

Henrique Portugal, do Skank, aprovou a versão e compartilhou o retorno que a música tem obtido.

“Comecei a notar o aumento das músicas em português tocando nas pistas.

Por coincidência, o Octávio, empresário dos Dubdogz, me ligou contando que o remix, que haviam feito para “Ainda Gosto Dela”, estava estourado e que gostariam de lançar a versão de forma oficial.

Eles mandaram o remix, nós adoramos e agora está saindo nas plataformas de streaming”, conta o tecladista.

A inspiração para a criação do remix não é de hoje, conta o duo formado pelos gêmeos Marcos e Lucas Schmidt.

“As músicas do Skank sempre estiveram presentes em nossas vidas.

‘Garota Nacional’, ‘Te Ver’ e ‘É Proibido Fumar’ fizeram parte da nossa formação musical.

Com o passar do tempo, o Skank tocava em todas as novelas, ‘Vou Deixar’, ‘Vamos Fugir’ e ‘Ainda Gosto Dela’, são as que mais nos vêm à cabeça.

Desde que começamos a produzir música eletrônica, tínhamos essa vontade de fazer um remix para o Skank, sonho esse que parecia muito distante na época”.

E continuam, “Aguardamos a conversa do nosso empresário com a banda com a ansiedade lá em cima esperando a resposta.

Foram umas duas semanas até recebemos a notícia que o Skank e a Sony Music tinham aceitado o remix, fizemos uma baita festa!”, finaliza o Dubdogz.

Print Friendly, PDF & Email

Comente