“Do It Again! – Alok e Steve Aoki em collabs., em nova track juntos!

DJ SOUND

“Do It Again! – Alok e Steve Aoki em collabs., em nova track juntos!

Track é direcionada aos clubs de música eletrônica com batidas mais pesadas no melhor estilo four-to-the-floor!

Em turnê pela Ásia e EUA, Alok, que recentemente alcançou a marca de 1 bilhão de streams nas plataformas digitais com seus diversos hits, acaba de anunciar mais uma produção, agora em parceria com o DJ internacional Steve Aoki, que também já fez colaborações com BTS, will.i.am e J Balvin.

Alok e Steve Aoki

O single “Do It Again” já está disponível em todas as plataformas digitais e terá videoclipe inédito na próxima semana, que além de trazer cenas gravadas em uma apresentação dos dois artistas em Miami, no final do mês passado, chama a atenção do público para os animais da fauna brasileira, como o lobo-guará e a onça-pintada, ambos em extinção.

Com selo da Ultra/Spinnin’ Records, a música é uma homenagem ao clássico “Do It Again” do duo britânico “The Chemical Brothers”, trazendo uma releitura com batidas contagiantes que prometem eletrizar ainda mais as pistas dos clubs e festivais de música eletrônica.

Utilizando do estilo four-to-the-floor, padrão de batida normalmente encontrado na House Music, acompanhado por uma linha de base pesada, a track é o resultado de uma parceria que com certeza irá conquistar o público.

Clique na sua plataforma digital favorita e ouça agora “Do It Again” com Steve Aoki:

Radio DJ Sound Deezer:

Radio DJ Sound Spotify:

Sobre Alok:

Alok é um indivíduo de raiz musical muito forte.

Criado numa família onde seus pais (Swarup e Ekanta) e o irmão gêmeo (Bhaskar) são artistas da cena eletrônica, seu universo tem girado em torno da música desde os 10 anos de idade.

O início precoce o tornou um produtor pró-ativo ao lado de seu irmão com o projeto “Lógica” e, atualmente em carreira solo, totaliza mais de uma década de trabalho.

Após 15 anos, Alok dedica seu tempo implacavelmente transformando-se em um dos ícones mais proeminentes da cena brasileira, com honrarias e prêmios, tais como: “Melhor DJ do Brasil” duas vezes consecutivas; 13º Top DJ do mundo para a revista britânica “DJ Mag” e o único brasileiro a alcançar mais de 320 milhões de plays na principal plataforma de música do mundo, o Spotify, onde tornou-se também o primeiro brasileiro a marcar presença no Top 100 Global com os hits “Hear Me Now”, “Never Let Me Go”, “Big Jet Plane”, entre outros.

Em 2016, Alok percorreu vários países espalhados por todos os continentes, além de tocar nos maiores festivais e palcos espalhando seu estilo popularmente chamado de “Brazilian Bass”.

Nesse mesmo ano, o artista recebeu o reconhecimento de seu trabalho que, juntamente com incansáveis horas de dedicação, acabou atraindo importantes conquistas como: contratos assinados com a gravadora holandesa Spinnin’ Records e com a William Morris (WME), considerada uma das maiores agências de artistas do mundo.

Já em 2017, a expansão do artista se propagou na China fazendo com que ele se tornasse um dos DJs de maior exposição atualmente no território.

Alok conquistou ainda grande exposição nos EUA e Europa, com média de quatro tours em cada continente e aproximadamente 15 shows em cada região.

Outro ponto importante foi a assinatura de contrato para integrar o casting de artistas da Warner Music, uma das principais gravadoras mundiais.

No ano de 2018, Alok participou de grandes festivais e fez uma mini turnê pelo EUA e Ásia.

Também se apresentou no México e pela primeira vez comandou um trio elétrico independente no Carnaval de Salvador, arrastando uma multidão no circuito Barra Ondina.

Se tornou o único brasileiro a integrar a lista inédita da Billboard com os 100 melhores DJs do mundo, o Billboard Dance 100, ocupando a 72° posição.

Lançou no primeiro semestre o sucesso “Ocean”, canção que ganhou um videoclipe/curta-metragem de nove minutos estrelado por Rodrigo Santoro, Marina Ruy Barbosa, Genésio de Barros e Maria Manoella.

Já no segundo semestre lançou as músicas “United”, “Favela”, em parceria com a cantora norueguesa Ina Wroldsen, “Innocent”, com Yves V e Gavin James, “Próximo Amor” com Luan Santana e “Pray” com o cantor inglês Conor Maynard, todas disponíveis nas principais plataformas digitais.

O ano de 2019 promete ser ainda mais intenso na carreira de Alok. Recentemente, o artista mais ouvido no mundo lançou as tracks “Metaphor”, uma parceria com o produtor australiano Timmy

Trumpet, e “All The Lies” feat com a banda The Vamps e Felix Jaehn. E as novidades não param por aí. Sua agenda em abril está recheada de apresentações com turnês confirmadas pela Ásia e EUA.

Ainda neste ano, a notícia de sua apresentação no Rock In Rio também deixou o público bastante ansioso.

Será a primeira vez que um DJ brasileiro se apresenta no festival que já é considerado um dos maiores e mais importantes no mundo.

Vale ressaltar que está previsto o lançamento de singles com participações especiais como das cantoras Anitta e Iza, entre outros artistas internacionais de grande renome.

Nas redes sociais, o artista contabiliza números grandiosos, deixando explícita a influência digital em todo o território brasileiro:

Instagram – 10,8 milhões de seguidores com média de mais de 30 milhões de impressões em 7 dias.

YouTube – Mais de 2 milhões de inscritos. Único DJ brasileiro com a marca.

Facebook – 6.1 milhões de seguidores.

Spotify – Mais de 8 milhões de ouvintes mensais e mais de 1 milhão de seguidores na playlist “This Is Alok”, uma das maiores do Brasil.

Twitter – Mais de 1 milhão de seguidores.

Versatilidade, habilidade e carisma fazem de Alok o pioneiro de um novo subgênero fundido entre elementos e influências que misturam pegadas de Techno e House, garantindo respostas excepcionais em seus shows com vocais ao vivo, grande produção envolvendo excelentes profissionais e que levam ao público uma experiência única.

Essa soma de fatores, aliadas a uma personalidade, sensibilidade e identidade única trazem a certeza de que Alok é o mais forte nome representando o cenário nacional e internacional da atualidade.

Sobre Steve Aoki:

Steve Aoki, produtor e DJ duas vezes indicado ao Grammy, é um dos artistas americanos de maior sucesso da atualidade, somando 1,5 bilhão de streams no Spotify e mais de 2 bilhões no YouTube.

Como fundador da gravadora Dim Mak Records, criada por ele em 1996, Aoki ajudou a lançar as carreiras de celebridades globais como The Chainsmokers, Bloc Party, The Bloody Beetroots, The Gossip, The Kills, entre outros.

Hoje, a Dim Mak conta com mais de mil lançamentos de diversos nomes consagrados e novatos da electronic dance music (EDM), indie rock, hip-hop, além de uma discografia de mais de duas décadas.

Como artista solo, Aoki possui uma discografia elogiada que inclui “Wonderland” (2012), seu álbum solo de estreia, que rendeu sua primeira indicação ao Grammy para “Melhor Álbum Dance / Electronica”; A série “Neon Future”, que inclui o “Neon Future I” (2014, ouro certificado pela RIAA), “Neon Future II” (2015), “Neon Future III” (2018) e “Neon Future IV” (2019); e “Kolony” (2017).

Suas colaborações que desafiam o gênero também incluem músicas originais com nomes como Lil Yachty e Migos (“Night Call” de Kolony, 2017); Louis Tomlinson, do One Direction, no sucesso global “Just Hold On” (2016), que estreou em primeiro lugar em mais de 40 países; K-Pop na faixa de sucesso “Waste It on Me” (2018), que acumulou elogios nacional e internacionalmente, estreando em primeiro lugar em mais de 60 países com 4 milhões de acessos nas primeiras 24 horas, bem como nos Top Trends de assuntos mais comentados do Twitter e quase 1 bilhão de transmissões em serviços de streaming em todo o mundo; e Daddy Yankee, Play-N-Skillz e Elvis Crespo na faixa em espanhol “Azukita” (2018).

Em 2016, Aoki lançou o documentário da original da Netflix intitulado “Sleep When I’m Dead”, que lhe rendeu a segunda indicação ao Grammy de “Melhor Filme Musical”, lançado globalmente em mais de 190 países. Reconhecido pela Forbes como um dos cinco melhores DJs mais bem pagos do mundo, Aoki é “um dos artistas mais requisitados” (Billboard), contando mais de 250 datas de shows por ano, com apresentações em praticamente todos os principais festivais de música eletrônica, incluindo o Coachella, Ultra Music Festival, Lollapalooza, Fuji Rock Festival, Tomorrowland, Electric Daisy Carnival, etc.

Atuando na área de designer de moda e empreendedor, Aoki colaborou com grandes empresas como a Converse e Bathing Ape, sendo também nomeado embaixador global de marcas de renome internacional, incluindo ASICS e Diesel.

Em 2016, ele também estreou sua própria linha de streetwear da Dim Mak Collection, apresentada na New York Fashion Week em 2017.

Vale ressaltar que Aoki fundou ainda a “The Aoki Foundation”, que apoia principalmente organizações nas áreas da ciência e pesquisa do cérebro. O artista já doou mais de US $ 500.000 para a iniciativa.

Print Friendly, PDF & Email

Comente

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.