Desafio aceito: 11.000km separam VINNE da sua próxima conquista

DJ SOUND

Desafio aceito: 11.000km separam VINNE da sua próxima conquista

Com uma carreira meteórica que vem dando o que falar, Vinne vem se firmando como sinônimo de festa com música boa e gente feliz.

Além de ser presença certa nas festas e festivais mais incríveis no Brasil, como o Ultra Music Festival no Rio de Janeiro, o brasiliense vem criando hits ininterruptamente há pouco mais de um ano – trilhando um caminho que atinge novos desafios com a chegada da sua primeira data internacional.

Primeiro foi o sucesso estrondoso de “Rock U”, depois seguiram “Steady as She Goes” e os “remixes” e “collabs” junto com Alok, Bashkar, Illusionize e Vintage Culture.

A cartada final acabou de sair:

“Tell Me”, lançada pela Sony Music, já é hit em todo o Brasil e culminou na descoberta do seu som pelos vizinhos americanos – aqueles lá de cima, no Canadá!

Vinne toca dia 14 de Julho no festival Astral Harvest, conhecido por apresentar talentos como Sharam Jay, Chromeo e Stickybuds num clima que mistura música e arte com uma energia única.

A notícia chegou de surpresa para o brasiliense, que está se dividindo entre gigs semanais e produção de novos hits:

“O Vinne de três meses atrás não imaginava isso acontecendo tão cedo!

Estava deixando para pensar em GIGs internacionais daqui um ano talvez, e então fui surpreendido mais uma vez – ainda bem!” – conta ele.

Agora é segurar a ansiedade e partir pro abraço: #MeuBASSdoCéu

SOBRE VINNE

“O desafio de hoje é o desafio de sempre, fazer música boa e conquistar pessoas com o meu som”, afirma o DJ e produtor brasiliense Vinne.

A pouca idade – apenas 19 anos – não esconde o talento natural do rapaz. Em um curto espaço de tempo, Vinne já se destaca na cena eletrônica nacional. Seu hit, “Rock U”, ficou quatro meses no Top 10 de Indie Dance/Nu Disco do Beatport, o que lhe rendeu suporte de nomes como EDX, Nervo e Kaskade – que a tocou no Lollapalooza Brasil 2016.

Em pouco mais de um ano, a lista de sucessos e collabs cresceu: “Steady As She Goes”, “Dat Junk”, “Free” (com Alok), “Bring It Back” (com Illusionize) e, recentemente, “Move” – EP com duas tracks lançado pela label UP Club.

Autodidata, Vinne não tem medo de explorar diferentes sonoridades.

Seu trabalho sólido já conquistou espaço em festivais como Ultra Brasil, Federal Music, e Universo Paralello, além de uma participação na tenda Brazilian Bass do Alok, no Tomorrowland Brasil, e uma apresentação no superclub Green Valley.

Suas produções ganham cada vez mais força no novo cenário da música eletrônica nacional, e tomam conta das pistas de norte a sul do país.

pic by Erico Salutti

Print Friendly, PDF & Email

Comente