Compass projeto de colaboração, com participação de 90 artistas

DJ SOUND

Compass projeto de colaboração, com participação de 90 artistas

Conheça agora o COMPASS!

COMPASS é um projeto de super colaboração, que contou com a participação de mais de 90 artistas de todo o mundo e foi gravado em 5 cidades diferentes.

“Esse projeto tem sido uma busca mágica com o objetivo de provar que existe apenas uma pista de dança no mundo inteiro”, diz Camilo Lara

Os produtores mexicanos Toy Selectah, do Mad Decent e criador do Control Machete, e Camilo Lara do Instituto Mexicano de Som, viajaram pelo mundo para criar o COMPASS!

Compass

Compass

Os mexicanos chamaram um grupo de colaboradores e amigos de diversos lugares para criar um mix de elementos musicais ecléticos, que vem junto com um apelo de pista de dança sinérgica para a criação do projeto, que inclui artistas como Toots Hibbert (Toots & the Maytals), MC Lyte, Cornelius, Eugene Hütz (Gogol Bordello), Rob Birch (Stereo MCs), Kool A.D. (Das Racist), Gael García Bernal, Emicida, Maluca, Kelli Ali, Tiombe Lockhart, Nina Sky, Tanto Blacks, Crystal Fighters, Bonde do Role, Mercurias, Bruno Morais, El Dusty, e outros.

Compass foi produzido por Lara e Selectah e mixado por Selectah junto com Frank “El Medico” Rodriguez e foi lançado no dia 26 de agosto, em 3 volumes.

O primeiro single do álbum é “Canta Sim Medo”, um “Funk brasileiro” com a participação de Mercurias e Bruno Morais diretamente da nossa terra.

Clique  e assista ao teaser do álbum para conhecer mais sobre o COMPASS!

COMPASS gravou nos estúdios da Red Bull em Nova York, Los Angeles, Londres e São Paulo, além de Kingston (Jamaica), Tokio, Beijing, Nova Daehli, Monterrey do México e Cidade do México.

Durante o trajeto, a Casa de Mídia Red Bull produziu uma web serie de cinco episódios que narra a criação do álbum, onde os fãs podem criar expectativas em relação ao lançamento de Compass.

“Não importa se você é rico, pobre, branco, negro… Nós queremos mostrar que se você colocar todos esses gêneros no mesmo lugar pode funcionar ao mesmo tempo e isso pode coexistir”, disse Lara.

Print Friendly

Comente